quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

E quem disse que o carnaval acaba na quarta-feira?

Muitos esperam ansiosos a chegada do carnaval. Muitos afirmam que o ano só começa após a quarta-feira de cinzas. Para os foliões que achavam que, depois de tanta festa e animação, tudo se acabaria na quarta-feira, uma boa notícia: há quem encerre as festas somente no sábado!

O carnaval é a época das cores. Daquelas mais vibrantes, que traduzem a alegria daqueles animados foliões que seguem os blocos. E um bloco, em especial, é representado por duas cores cheias de significado. O vermelho representa a força e a garra. O rosa, o amor e a feminilidade. É claro que um bloco com essas cores só poderia ser formado por mulheres. São cerca de 30 batuqueiras, algumas já integrantes de outros blocos que foi idealizado por Gláucia e Vivian, durante o carnaval de 2003. No repertório, apenas canções daquele que mais entende da alma feminina: Chico Buarque.

O bloco carioca Mulheres de Chico ganhou as ruas apenas em 2007, no esquema “concentra-mas-não-sai”, animando os foliões na praça Antero de Quental, no sábado após o carnaval. E as canções de Chico ganharam versões em diferentes ritmos, que passam pelo côco, maracatu, xote e até funk, além do samba. A direção musical é de Flavia Costa, com contribuição de todas as batuqueiras para a elaboração dos arranjos. “Sempre mantemos a característica percussiva do grupo, as músicas sendo de inspiração carnavalesca ou não”, disse Gláucia, uma das fundadoras do grupo.

Mas, nem só no carnaval é possível dançar ao som do MDC. O grupo faz apresentações durante o ano inteiro, com a mesma animação. O show sofre algumas modificações, dependendo do lugar que se apresente. Esse ano, o grupo foi chamado para tocar na feijoada da Mangueira e, em homenagem à escola de samba, tocou “Piano na Mangueira”, também de Chico.

No carnaval, o samba está mais presente, além da marchinha e do samba-enredo do grupo, únicas músicas que não são de Chico Buarque. Assim, o repertório possui uma parte fixa e outra não.“Além disso, sempre buscamos aumentar e aprimorar o repertório, já que a vontade de tocar todas as músicas do Chico é imensa”, diz Gláucia.

O fato de um bloco de carnaval apresentar apenas músicas de Chico Buarque é uma forma de aproximar sua obra do público jovem, dominante nessa época. Além do mais, o bloco caiu na graça das mulheres, que se sentem representadas ali, como aquelas que batalham o ano inteiro, e ainda arrumam um tempinho para “homenagear o nosso ‘muso inspirador’, subindo ao palco com muitos badulaques vermelhos e cor-de-rosa, para cantar, tocar, dançar e sorrir, acima de tudo”.

E, para 2009, o grupo promete muito vermelho e rosa, alegria, emoção, batuque, ginga e muito Chico Buarque de Holanda! A marchinha que o MDC traz esse ano é “Será que Chico vem?”, de Flavia Costa e Monica Leme, e o samba enredo é “Samba pra Chico”, de Joe Viegas.

Preparem-se, malandros e cabrochas, para, junto com o Mulheres de Chico, fazer a praça virar um salão. Com a letra na mão e muito samba no pé, o encontro está marcado para o sábado, 28 de fevereiro, a partir das 16h, na Praça Antero de Quental, no Leblon.

Conheça mais o trabalho do MDC:

Mala-direta / lista-amiga (desconto no show): contato@mulheresdechico.com.br

11 comentários:

Carol Freitas disse...

Um belo grupo, apresentado em uma bela matéria...

O MDC é um bloco lindo e de um talento notório. Que bom que vc teve a sensibilidade de compartilhar isso aqui no Blog!

Parabéns pelo texto! Adorei!

Bjo!

Danny Reis disse...

Oi, Carolzita! Tudo bom? Você vai? Eu voooooooooou!!!!!!
Beijos!

*LIS disse...

Que maximooooo!
AMEI tudo! haha

A ideia geral do MDC e todas suas peculiaridades muito bem pensadas...
Acima de tudo adorei o texto, sua sensibilidade e as metaforas deliciosas!

So nao gostei de uma coisa... da condicao dos shows da meninas serem todos em terreno carioca... =/

*LIS disse...

Que maximooooo!
AMEI tudo! haha

A ideia geral do MDC e todas suas peculiaridades muito bem pensadas...
Acima de tudo adorei o texto, sua sensibilidade e as metaforas deliciosas!

So nao gostei de uma coisa... da condicao dos shows da meninas serem todos em terreno carioca... =/

*LIS disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
*LIS disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
*LIS disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
. fina flor . disse...

menina, acredita que moro pertinho da praça e nunca consegui ir?

aff.....

beijos e boa semana,

MM.

Madamefala disse...

Muitoooooooooooo bom!
Eu fui em dois anos ver, e amei.


beijocas flor!

Danny Reis disse...

Não espalha, Carol, mas eu também não fui... rs
Beijos!

Flávia Menna Barreto disse...

Poxa, perdi "Mulheres de Chico" desse ano. Ano passado, fui, mas não conseguir chegar a tempo para ouvir muitas músicas.Logo que cheguei, o bloco acabou, infelizmente.